Os fãs de “Festa é Festa” apertem os cintos e boa viagem até ao reino do Natal de Bela Vida. O presépio foi montado na Aldeia Galega da Merceana, onde se gravam os exteriores da trama, com todos os detalhes e a paródia é assegurada pelos bela-videnses que se vestiram a rigor para os episódios especiais da quadra. “Era mais do que óbvio que o Bino seria o Burro e o Tomé a vaca!”, diz Pedro Alves, o ator que faz o político de caráter duvidoso da novela da noite da TVI. “Sinto-me muito bem de burro, até porque é um animal em vias de extinção em Portugal”, afirmou o ator, no dia em que gravou estas cenas, que vão para o ar nos dias 24 e 25.

Pedro Teixeira, o Tomé da história, também acabou por se conformar com a sua personagem. “Nem tivemos hipótese de escolha”, disse, assegurando estar “bem quentinho” no seu fato. Mas se esta dupla era evidente, já outras figuras nem por isso... “Nunca tinha feito de Maria!”, assegura Manuel Marques, agarrando o manto azul com as mãos. Na caracterização, nem as lágrimas da Virgem foram esquecidas, mas personificar a mãe do Menino Jesus não agradou ao ator que faz de Nando. “Não me sinto muito confortável, não é sacrilégio, mas sou católico!”, disse, garantindo que, apesar das trocas, “o presépio foi feito com todo o respeito”. Maria do Céu Guerra, irreconhecível por detrás da barba, mostrou-se satisfeita com o seu José. “Só uma vez, no teatro, fiz um travesti!”, refere a Corcovada da trama. Neste presépio ao contrário, também os Reis Magos transformaram-se em Rainhas Magas. “No princípio, fiquei um bocadinho assustada, confesso, por estarmos a inverter os papéis e que pudessem levar a mal. Mas depois percebi que está tudo certo”, exclamou Ana Brito e Cunha, a Florinda da novela, que com Ana Guiomar (Aida) e Sílvia Rizzo (São) vestem os ricos trajes destas sábias do presépio.

Palavras-chave

Aproveite esta oferta especial, assine a TvMais por apenas €1,30/edição. ASSINE JÁ

Relacionados

Mais no portal