Joaquim diz a Duarte que vai usar o “falso Félix” numa derradeira tentativa de levar Verónica a confessar todos os crimes que cometeu. Enquanto discutem o plano, surge Bernardo, que conta ao tio que Verónica e Nuno estão a tentar localizar o telemóvel de Félix. Quando estão prestes a conseguir a localização, Duarte corre e desliga o aparelho, não sabendo, porém, se conseguiu impedir que o localizassem. De seguida, telefona a Joaquim a contar o sucedido. Já em casa dos Blanco, o pai de Nazaré entra e dá um sedativo a Paula, a empregada, que desmaia. Ao chegar, Verónica chama por ela, mas só ouve a voz do falso Félix a dizer-lhe que está sozinha e que tem de ir à polícia confessar todos os crimes. Em pânico, a vilã pega na arma que Nuno lhe deu e dispara, atingindo Joaquim de raspão. Este consegue fugir e deixa-a ainda mais assustada.

Toni é preso
Luís conta ao amigo que ganharam o concurso de queijos, quando surge o inspetor Prata. Este anuncia a Toni que está detido por ser suspeito na morte de Félix e Cláudia.

Sofia discute com Matias
A mãe de Carol vai até à banca do irmão de Toni e este diz-lhe que já entendeu que ela e Heitor voltaram e ainda insinua que Sofia deve ser daquelas mulheres que gosta de levar pancada. Ela fica extremamente magoada e diz-lhe que nunca o perdoará.

Palavras-chave

Aproveite esta oferta especial, assine a TvMais por apenas €1,30/edição. ASSINE JÁ

Mais no portal