A filha de dona Maria começa a sentir-se mal, com náuseas e vómitos constantes. Preocupado, Zeca sugere que foi algo que a noiva comeu. No entanto, a matriarca fica com “a pulga atrás da orelha” e, taxativa, afirma que Olga está grávida. Desconfianças que dá como certas depois de a ruiva voltar a desfalecer na igreja. Sem perder tempo, conta a Lola a sua descoberta, deixando-a apavorada com a possibilidade de a notícia se espalhar antes de estar casada, dando asas ao falatório. Mais tarde, em conversa com Olga, a mulher de Júlio alerta a irmã que não pode ser mãe solteira, pois será apontada nas ruas.

Palavras-chave

Mais no portal