Recentemente um vídeo da jornalista Rita Rodrigues tornou-se viral nas redes sociais. Tudo porque a pivô da CNN emocionou-se ao dar uma notícia em direto durante o jornal. A jornalista e o colega Pedro Bello Morais encerravam o jornal com uma notícia sobre a guerra na Ucrânia. Foi mostrada uma fotografia de um bebé com o nome, a data de nascimento e o contacto de familiares escritos às costas. “É um murro no estômago, isto, sem dúvida“, comentou Pedro Bello Moraes. “Não há mais nada a dizer“, disse Rita, já às lágrimas.

No Instagram Rita Rodrigues reagiu ao momento. “Pensei várias vezes se devia dizer alguma coisa sobre as lágrimas que não consegui conter ontem no final do Agora CNN. Concluí que após tantas mensagens que recebi, devia agradecer a solidariedade de quem dedicou alguns minutos do seu tempo a mostrar que compreendeu o que eu senti. Recebi mensagens muito queridas, contrariando a ideia de que as redes sociais são um viveiro de violência”, começou por escrever.

“Esta semana começámos a ver o horror que vivem, aqueles não conseguiram fugir. As imagens que o presidente da Ucrânia mostrou nas Nações Unidas são violentamente perturbadoras. Mas também o é o medo com que vive um povo em fuga, que desesperadamente escreve nas costas das crianças algumas informações para o caso de os adultos não sobreviverem.”

A pivô encerra a publicação justificando a sua atitude. “Não está escrito em lado nenhum que um jornalista não pode emocionar-se. Porque também não se ensina ninguém a não se comover com o sofrimentos dos outros.”

Palavras-chave

Aproveite esta oferta especial, assine a TvMais por apenas €1,30/edição. ASSINE JÁ

Relacionados

Mais no portal