Tinha apenas 25 anos quando foi assassinado com quatro tiros numa movimentada rua de Las Vegas. Aos cinco anos de carreira, Tupac Shakur destacava-se no cenário do rap e do hip hop norte-americano, com letras fortes que falavam sobre violência e a vida nas ruas. Morreu numa sexta-feira 13, mas tornou-se imortal no mundo da música.

Em 1992 o rapper criou o código da “Thug Life”, um texto com 26 mandamentos sobre a “ética das ruas”. Apenas quatro anos depois, o carro em que Tupac seguia foi alvejado 13 vezes – e passados mais de 20 anos ninguém foi preso pelo crime. Um mistério que continua sem solução, em nome do código das ruas.

Crime sob o Holofote é um podcast sobre crimes reais no mundo dos famosos.

Palavras-chave

Aproveite esta oferta especial, assine a TvMais por apenas €1,30/edição. ASSINE JÁ

Relacionados

Mais no portal