Parabéns Júlia Pinheiro: 60 anos em 60 fotos. É o desejo do Holofote.pt neste dia em que a estrela das tardes da SIC está a celebrar 6 décadas de vida (no mesmo dia em que o canal de Paço de Arcos celebra 30 anos). A apresentadora deu uma entrevista à revista TvMais onde fala sobre esta nova fase da sua vida, dos desejos para o futuro e de quem não tem qualquer desejo em recorrer às cirurgias estéticas para “apagar” as marcas do tempo.

“Nunca esperei ainda estar na TV com esta idade”

Está prestes a assinar um marco importante. É um número que, de alguma forma, pesa?
“Uma miúda nova como eu… Não pesa nada! Estou com 60 anos muito felizes. Sinto-me muito bem e contente”.

O que mais lhe apetece daqui para a frente?
“Estar quieta! (risos) Quero estar bem, ter sossego, saúde… Quero que tudo esteja bem! Quero estar rodeada de pessoas cúmplices, que me façam sentir bem. Quero estar presente, inteira em tudo o que faço”.

Alguma vez imaginou que aos 60 anos seria uma apresentadora de sucesso com tanto carinho por parte do público.
“Nunca esperei ainda estar na TV com esta idade. Sou franca! Aliás, fiz todo o meu caminho como executiva de televisão a contar que, por volta dos 40 e muitos anos, a coisa já tivesse acabado. E não… Continuou”

Mas vamos continuar a vê-la na SIC?
“Estou muito contente por, com esta idade, permanecer na antena, ter um programa em meu nome, ainda por cima bem sucedido. Estou numa estação que me estima muito e que me trata muitíssimo bem”.

Continua feliz no papel de apresentadora?
“Estou com muita vontade de continuar. Enquanto houver caminho para percorrer lá estou eu”.

“Não pesa nada! Estou com 60 anos muito felizes. Sinto-me muito bem e contente. Quero estar bem, ter sossego, saúde”
(Júlia Pinheiro)

Sente que numa época em que o culto da imagem e da juventude estão tão presentes nos meios de comunicação, é importante continuarmos a ver representatividade na TV?
“Acho que é muito importante haver representatividade de pessoas mais velhas na antena, como acho que é importante haver representatividade de tudo e de todos: todas as gradações de pele, etnias, culturas. Tudo deve estar na antena porque o mundo é diversidade e multiculturalidade. E nós temos de projetar isso”.

Todas as idades têm lugar na TV?
“Devemos ver na antena pessoas com idades diferenciadas e não somente o culto da juventude. Eu não digo isto porque agora tenho 60 anos. Sempre achei isso! Sempre achei lindíssimo ver mulheres com rugas marcadas. Todos nós olhamos para a cara de uma Simone de Oliveira e ficamos agradados, olhamos para a beleza serena da Lídia Franco e ficamos encantados, para o extraordinário rosto da Eunice Muñoz (que nos deixou depois de uma vida tão preenchida e feliz)”

As mulheres sofrem mais com essa pressão?
“As mulheres não podem ser castigadas neste contexto da idolatração da juventude porque o tempo passou. Vivemo-lo! E ele tem de estar aqui algures em nós…”

“Enquanto houver caminho para percorrer lá estou eu”
(Júlia Pinheiro)

Acredito então que não esteja com vontade de remover as marcas do tempo e deixar-se levar pelas cirurgias estéticas.
“Não quero fazer. Não me apetece”.

Alguma vez sentiu essa vontade?
“Em tempos. Houve uma altura em que dizia que gostava de levantar o ‘património’ [mamas]. Mas isso foi aí há uns 20 anos. Agora, esse tipo de intervenções não me fazem sentido. A não ser que eu tenho um acidente e fique desfigurada… Hoje não me apetece”.

Porquê?
“Eu tenho esta verdade e sempre a defendi. Se eu agora fizesse alguma coisa ao rosto não estaria a ser coerente com essa verdade. Ainda que a coerência não tenha se ser uma coisa que tenhamos de manter sempre na vida. Mas o público olha para mim há tantos anos que seria como se estivesse a mentir-lhe um bocadinho. Não tenho nada contra as pessoas que fazem, que acham importante e para quem isso, de alguma maneira, as ajuda o melhor que seja”

Veja ainda (em cima) a galeria de fotos com 60 imagens da Júlia Pinheiro

Parabéns Júlia Pinheiro: 60 anos em 60 fotos

Palavras-chave

Relacionados

Mais no portal

Mais Notícias

Universidade de Évora e Cruz Vermelha testa com sucesso baterias de segunda vida em cenário de catástrofe

Universidade de Évora e Cruz Vermelha testa com sucesso baterias de segunda vida em cenário de catástrofe

Atitude, arrojo e inovação: Recorde os

Atitude, arrojo e inovação: Recorde os "looks" de Letizia na entrega dos prémios Francisco Cerecedo

Lancia ‘renasce’ como marca 100% elétrica

Lancia ‘renasce’ como marca 100% elétrica

VISÃO Júnior de dezembro de 2022

VISÃO Júnior de dezembro de 2022

Abra as portas ao Natal e vista a casa a rigor

Abra as portas ao Natal e vista a casa a rigor

VISÃO Júnior, uma prenda de Natal original

VISÃO Júnior, uma prenda de Natal original

Tendências: couro

Tendências: couro

Maria Barros tem as mesas e os looks de festa mais bonitos

Maria Barros tem as mesas e os looks de festa mais bonitos

Porque é que numa maratona se correm exatamente 42,195 quilómetros?

Porque é que numa maratona se correm exatamente 42,195 quilómetros?

Cooler Master anuncia cápsula imersiva para jogadores

Cooler Master anuncia cápsula imersiva para jogadores

Eco-Rally de Lisboa: os elétricos passaram pela capital

Eco-Rally de Lisboa: os elétricos passaram pela capital

Quinta de Santo António: Ouvir o silêncio junto ao Tâmega

Quinta de Santo António: Ouvir o silêncio junto ao Tâmega

Referendo sobre eutanásia?A democracia não é um achar

Referendo sobre eutanásia?A democracia não é um achar

Produção hidroelétrica supera em novembro média histórica

Produção hidroelétrica supera em novembro média histórica

O Natal da EXAME: as escolhas sem sentido de Margarida Vaqueiro Lopes

O Natal da EXAME: as escolhas sem sentido de Margarida Vaqueiro Lopes

Peritos recomendam melhor referenciação de doentes para reduzir tempos de espera

Peritos recomendam melhor referenciação de doentes para reduzir tempos de espera

Portugueses sem poder de compra para tornar a casa mais eficiente

Portugueses sem poder de compra para tornar a casa mais eficiente

Cláudia Vieira partilha imagens das férias nas Maldivas

Cláudia Vieira partilha imagens das férias nas Maldivas

Natal: presentes para gourmets

Natal: presentes para gourmets

Já se sabe por que é que o Hemisfério Sul tem mais tempestades do que o Norte

Já se sabe por que é que o Hemisfério Sul tem mais tempestades do que o Norte

Lenovo Yoga Slim 7 Carbon em análise: “Sócio, estou concentradíssimo”

Lenovo Yoga Slim 7 Carbon em análise: “Sócio, estou concentradíssimo”

O Natal da EXAME: as escolhas culturais de Cesaltina Pinto

O Natal da EXAME: as escolhas culturais de Cesaltina Pinto

Receita de Cogumelo recheado, por Rui Paula

Receita de Cogumelo recheado, por Rui Paula

Governo investe mais de 250 ME no combate e prevenção de incêndios em 2023

Governo investe mais de 250 ME no combate e prevenção de incêndios em 2023

Peritos recomendam revisão do sistema de comparticipação de medicamentos

Peritos recomendam revisão do sistema de comparticipação de medicamentos

O centenário de José-Augusto França

O centenário de José-Augusto França

Já se sabe qual a palavra de 2022 e é uma expressão que define bem como foi 2022 para muitos

Já se sabe qual a palavra de 2022 e é uma expressão que define bem como foi 2022 para muitos

Moda: Fundo preto

Moda: Fundo preto

Vírus afeta bovinos em Espanha e deixa Portugal abrangido pelas restrições

Vírus afeta bovinos em Espanha e deixa Portugal abrangido pelas restrições

Diana Pereira: “Vivo este amor de forma mais consciente e madura”

Diana Pereira: “Vivo este amor de forma mais consciente e madura”

O Natal da EXAME: as escolhas musicais do diretor

O Natal da EXAME: as escolhas musicais do diretor

Dão Nobre e outros senhores: Vinhos da nossa alegria

Dão Nobre e outros senhores: Vinhos da nossa alegria

Heidi e Leni Klum desejam-lhe um Bom Natal

Heidi e Leni Klum desejam-lhe um Bom Natal

Juan Carlos I: Justiça britânica concede imunidade ao rei emérito, que evita processo por assédio

Juan Carlos I: Justiça britânica concede imunidade ao rei emérito, que evita processo por assédio

Ministro da Economia diz que aposta no turismo pode minimizar impacto da recessão

Ministro da Economia diz que aposta no turismo pode minimizar impacto da recessão

Vencedores do passatempo 'O Gato das Botas: O Último Desejo'

Vencedores do passatempo 'O Gato das Botas: O Último Desejo'

O

O "piercing" de Charlotte do Mónaco

JL 1360

JL 1360

Casa de Mafra: linhas puras

Casa de Mafra: linhas puras

Esta Iguana move-se no universo das novelas gráficas

Esta Iguana move-se no universo das novelas gráficas

JL 1359

JL 1359

Três novas livrarias em Lisboa, onde apetece ler e ficar

Três novas livrarias em Lisboa, onde apetece ler e ficar