Miguel Costa arrancou na última segunda-feira, 9 de maio, uma peregrinação a Fátima. O objetivo é chegar na próxima quinta-feira, dia 12, a tempo da conhecida Procissão das Velas. Desde então tem estado em direto no “Alô Portugal” e a partilhar a experiência nas redes sociais.

“Serão mais ou menos 35km por dia, feitos a pé, e sempre que puder, dou uma corrida ligeira. Há um ano que meti isto na cabeça. Vários acontecimentos ao longo deste ano fizeram com que queira mesmo cumprir esta missão”, partilhou Miguel na segunda-feira, dia em que iniciou a caminhada. No segundo dia completo, Miguel Costa revelou ter sofrido com uma bolha e assumiu ter tido vontade de desistir: “Só consegui graças aos vários voluntários que estão ao longo do caminho a distribuir água, fruta, sorrisos e palavras de apoio. Só consegui graças à minha família com quem fui falando. Pensar na Luisinha, na Teresinha, na Joana, na minha avó Nini fez com que chegasse até aqui. Só consegui graças à minha equipa do Alô Portugal. O apoio constante. Só consegui, e acredito nisso, porque há uma força maior que nos vai guiando pelo caminho. Pensei várias vezes desistir, sinto que morri e renasci várias vezes.”

Entretanto, Miguel deixa uma mensagem positiva e tem mostrado muita boa disposição nas publicações feitas no Instagram: “Amanhã há mais, com uma bolha gigante e distância mais realista. Hoje estiquei a corda. Podia ter-me saído caro. Felizmente está tudo bem. Tenho um andar novo”.

Palavras-chave

Aproveite esta oferta especial, assine a TvMais por apenas €1,30/edição. ASSINE JÁ

Relacionados

Mais no portal