A gravar pela primeira vez uma novela na TV Globo, José Condessa, de 22 anos, está fazer sucesso em “Salve-se Quem Puder”, a nova história dos finais de tarde, com o seu mexicano e romântico Juan. O “bonitão”(como já é apelidado pelas fãs brasileiras) falou à revista “TvMais” sobre como está a viver intensamente esta aventura, as polémicas de que já foi alvo e as saudades da família, dos amigos e da namorada, Bárbara Branco.

Como reagiu ao convite para integrar o elenco de “Salve-se Quem Puder”?
Com grande surpresa. O convite chegou por parte do Daniel Ortiz, autor da novela, que divide o seu tempo entre Portugal e Brasil. Ele assistiu a alguns episódios de “Valor da vida”, onde entravam vários atores que ele conhecia, como a Carolina Kasting, que fazia de minha mãe. Acabou por ver o meu trabalho e, diz ele, viu em mim a personagem que estava escrever. Quando dei por isso, já estava a gravar um teste para enviar para o Brasil. Em três meses, estava a caminho desta aventura.
Quais as principais diferenças e semelhanças entre o José e o Juan?
Ambos gostamos muito da Natureza, praia e sol. Há um lado muito romântico no Juan e também partilho isso com ele. Ambos gostamos de preparar surpresas e oferecer presentes, escrever cartas e por aí fora… [Risos] A grande diferença é que o Juan sabe cantar e eu, apesar de gostar muito, não sei. Depois, claro, a língua, a cultura mexicana. Tem sido muito gratificante construir este Juan. Quero fazer o meu trabalho bem feito e ficar orgulhoso dele.

Quais as maiores diferenças entre gravar uma novela no Brasil e em Portugal?
São muito mais as semelhanças do que as diferenças. Todos temos a Globo como padrão de qualidade e tem sido maravilhoso aprender novas técnicas e conhecer novas formas de fazer. Fico muito feliz em dizer que nós, em Portugal, trabalhamos de igual forma. Temos muito em comum e acho que, cada vez mais, estamos par a par com o que se faz aqui, no Brasil. A única grande diferença é o tempo. Há, aqui, mais tempo para ensaios, para encontrar a linguagem da novela e para gravar também.
Como foi recebido pelos colegas? Já fez amigos?
Muito bem! Assim que começámos os ensaios, todos foram muito acolhedores e dispostos a ajudar em tudo. Não só os colegas da novela, mas também atores e amigos portugueses que já trabalhavam aqui. Tive essa sorte. Felizmente, já fiz amizades, claro, maioritariamente colegas da novela, mas também com pessoas que conheci a jogar futevólei e futebol.
Quem tem sido o seu maior apoio?
O mesmo que em Portugal. A minha família, a Bárbara [Branco], os meus amigos. Alguns amigos que vêm ao Brasil, o Hugo Sousa, que é um realizador português que está a fazer também “Salve-se Quem Puder”, e os meus colegas, com quem trabalho diariamente.

O que faz quando não está a gravar ou a preparar as cenas para o dia seguinte?
A rotina varia muito consoante o dia. Nós, atores, não conseguimos ter uma rotina muito fixa, estamos sempre com horários e obrigações diferentes. Sempre que possível, tento dar um mergulho no mar, ir ao ginásio, ler uma preocupação da sua mãe, Delfina. Já aprendi a cozinhar há muito tempo, sempre tive essa paixão que, ao longo dos anos, fui aprimorando. Claro que, agora, vivendo sozinho, tenho todas essas outras obrigações também, mas estou a deixar a minha mãe orgulhosa. Ela preparou-me bem desde pequeno.
O que tem sido mais difícil ou do que sentido mais falta?
Ao início, foi mais complicado. Tive o tempo de adaptação a um país que não conhecia, aos hábitos. Tudo isto longe dos que me são mais queridos. A Rita Carrelo, minha agente e uma das pessoas mais importantes na minha vida pessoal e profissional, veio comigo para o Brasil. Ela esteve cá a ajudar-me, durante duas semanas, com todas as questões burocráticas, que não são poucas, e isso deu-me segurança para começar esta aventura. Agora, claro que as saudades são constantes e que sinto falta de muitas pequenas coisas do meu dia a dia em Portugal. Sinto falta de conduzir, do teatro. E, claro, o principal é sentir falta das pessoas. Há muitas coisas que, no Brasil, não existem. Sinto falta de iced tea [chá gelado] de limão. Sou tão viciado nele. [Risos]
Como foi enfrentar os rumores de envolvimento com Juliana Paiva, que faz o seu par romântico, antes da novela estrear?
Infelizmente, aconteceu. E é triste que tenham existido esses falsos rumores baseados em suposições. Já estava avisado e preparado para estas situações, mas é claro que custa. Estando eu numa relação, ver serem ditas coisas de mim que jamais faria. Ainda mais por parte de alguma imprensa portuguesa que, ao contrário da brasileira, me conhece, sabe da minha relação e com quem sempre fui correto. Ainda assim, avançaram com estas notícias.

Já sente o assédio das fãs brasileiras? Como vai lidar com isso?
Já sinto um carinho por parte de todos os brasileiros, principalmente nas redes sociais. Quando e se acontecer, tentarei lidar como sempre o fiz até aqui.
Como foi o reencontro com a Bárbara Branco em dezembro?
Maravilhoso! Nunca tinha estado tanto tempo longe da Bárbara. E nós estamos muito habituados a estar sempre juntos. Por nós, teríamos reencontros todos os dias.
O que espera que aconteça quando as gravações terminarem?
Não penso nisso, pois ainda faltam alguns meses. Tento focar-me no presente. Quero fazer o meu trabalho bem feito e ficar orgulhoso dele. Depois, logo se verá.Quero fazer o meu trabalho bem feito e ficar orgulhoso dele. Depois, logo se verá.

Palavras-chave

Passe o seu verão na companhia da TvMais! Assine a sua revista favorita, nós oferecemos-lhe mais 6 meses grátis. ASSINE JÁ

Relacionados

Mais no portal

Mais Notícias

Gripe das aves volta a ser detetada em Portugal

Gripe das aves volta a ser detetada em Portugal

Letizia deslumbra com um mini vestido de verão

Letizia deslumbra com um mini vestido de verão

Solar Car Charging Palm, estações de carregamento alimentadas a energia solar

Solar Car Charging Palm, estações de carregamento alimentadas a energia solar

Cata Vassalo e Rita Patrocínio juntas em coleção de joalharia sobre a amizade

Cata Vassalo e Rita Patrocínio juntas em coleção de joalharia sobre a amizade

Espanha: proibido regular o ar condicionado para menos de 27 graus

Espanha: proibido regular o ar condicionado para menos de 27 graus

Um personal trainer de pulso

Um personal trainer de pulso

Bastonário dos médicos apela ao Presidente da República para ajudar a transformar o SNS

Bastonário dos médicos apela ao Presidente da República para ajudar a transformar o SNS

A Smiley faz 50 anos e está por todo o lado

A Smiley faz 50 anos e está por todo o lado

De malas feitas

De malas feitas

Felipe e Letizia passeiam com as filhas por Palma de Maiorca

Felipe e Letizia passeiam com as filhas por Palma de Maiorca

Morreu o estilista japonês Issey Miyake

Morreu o estilista japonês Issey Miyake

Samsung Neo QLED QN900B em análise: Há grandes… E depois há enormes

Samsung Neo QLED QN900B em análise: Há grandes… E depois há enormes

Agenda para pais e filhos: agosto é tempo de diversão

Agenda para pais e filhos: agosto é tempo de diversão

Meghan, Harry e os Beckham: o que motivou o desentendimento?

Meghan, Harry e os Beckham: o que motivou o desentendimento?

Incêndio da Serra da Estrela dado como dominado -- Proteção Civil

Incêndio da Serra da Estrela dado como dominado -- Proteção Civil

Ganha uma consola Nintendo Switch

Ganha uma consola Nintendo Switch

Moscovo abandalha ONU

Moscovo abandalha ONU

Terapia do Humor

Terapia do Humor

Agosto (à borla) na cidade: 30 ideias para aproveitar Lisboa e Porto

Agosto (à borla) na cidade: 30 ideias para aproveitar Lisboa e Porto

Infantas Leonor e Sofia destacam-se com vestidos de estilos diferentes

Infantas Leonor e Sofia destacam-se com vestidos de estilos diferentes

3 tendências que fazem furor no mundo da fast fashion

3 tendências que fazem furor no mundo da fast fashion

17 ideias para fazer no Algarve, do Barlavento ao Sotavento

17 ideias para fazer no Algarve, do Barlavento ao Sotavento

E o mar aqui tão perto: 11 bares de praia à volta de Lisboa e do Porto

E o mar aqui tão perto: 11 bares de praia à volta de Lisboa e do Porto

Estudo dá

Estudo dá "provas sólidas" de que os continentes no planeta Terra foram formados pelo impacto de meteoritos gigantes

O

O "tubarão do imobiliário" na capa de Agosto da EXAME

VOLT Live: o mercado de elétricos usados

VOLT Live: o mercado de elétricos usados

Xiaomi apresenta robô humanoide CyberOne

Xiaomi apresenta robô humanoide CyberOne

Valor artístico

Valor artístico

Secretário de Estado fala em

Secretário de Estado fala em "prejuízo enorme" a nível ambiental na serra da Estrela

Se acha que esta crise é igual às outras, não está a prestar atenção

Se acha que esta crise é igual às outras, não está a prestar atenção

Será este o segredo para um cabelo brilhante e saudável?

Será este o segredo para um cabelo brilhante e saudável?

Relação entre Maitê Proença e Adriana Calcanhotto chega ao fim

Relação entre Maitê Proença e Adriana Calcanhotto chega ao fim

Exame 460 - Agosto de 2022

Exame 460 - Agosto de 2022

A diversidade importa

A diversidade importa

Novo livro revela o motivo para os Sussex e os Beckham estarem de costas voltadas

Novo livro revela o motivo para os Sussex e os Beckham estarem de costas voltadas

A história do Ballett Gulbenkian

A história do Ballett Gulbenkian

E o mar aqui tão perto: 11 bares de praia à volta de Lisboa e do Porto

E o mar aqui tão perto: 11 bares de praia à volta de Lisboa e do Porto

Os 'truques' que os animais usam para se arrefecerem no verão

Os 'truques' que os animais usam para se arrefecerem no verão

JL 1348

JL 1348

JL 1350

JL 1350

Peregrinação internacional de agosto ao Santuário de Fátima termina hoje

Peregrinação internacional de agosto ao Santuário de Fátima termina hoje

Maior investigação de sempre sobre pinguins explica como deixaram de voar

Maior investigação de sempre sobre pinguins explica como deixaram de voar